Marumbi - Rumos: Roteiros para sua próxima aventura!
Marumbi
 Arquivos disponíveis:
Escalada moderada
Escalada difícil
Trekking moderado
Montanhismo fácil

País - Brasil - Paraná Bookmark and Share

Marumbi

Altitude Máxima: 1539 metros.

Altitude Mínima: 400

Temporada ideal: O ano todo.

Outros locais do roteiro:

  • Olimpo
  • Gigante
  • Abrolhos
  • Ponta do Tigre
  • Boa Vista
  • Esfinge
  • Torre dos Sinos
  • Rochedinho
  • Facãozinho
  • Forma da obtenção dos dados:

    Dados obtidos pela equipe do site AltaMontanha.com ao longo de várias inscursões pela região e através de GPS por Pedro Hauck.

    Mais informações sobre este roteiro:


    Trata-se de um majestoso e desafiador conjunto com oito montanhas principais dominadas pelo Olimpo, com 1539 metros de altura que no decorrer dos séculos sempre aguçou o imaginário dos viajantes. Os índios o batizaram de Guarumby, a montanha azul e a superstição popular encarregou-se de cercá-lo com lendas e crendices.

    O Conjunto Marumbi ou Serra Marumbi é formado pelas montanhas:

    •     Olimpo (1.539 m.)
    •     Boa Vista (1.491 m.)
    •     Gigante (1.487 m.)
    •     Ponta do Tigre (1.400 m.)
    •     Esfinge (1.378 m.)
    •     Torre dos Sinos (1.280 m.)
    •     Abrolhos (1.200 m.)
    •     Facãozinho (1.100 m.)
    •     Rochedinho (625 m).
    A maioria destes picos é separada por diques de diabásio com orientação azimutal. É o caso da separação entre a Torre dos Sinos e o Abrolhos, chamada Desfiladeiro da Catedral e entre a Ponta do Tigre e a Esfinge, Desfiladeiro das Lágrimas.

    O destino reservou ao Marumbi a honra de inaugurar a escalada esportiva no Brasil quando quatro paranaenses organizaram uma expedição com o único objetivo de vencer as dificuldades da escalada e desfrutar o prazer de ver o mundo lá de cima. No dia 21 de agosto de 1879, vindos pelo Caminho do Itupava, o farmacêutico Joaquim Olimpio de Miranda, Bento Manuel Leão, Antonio Silva e Joaquim Messias alcançaram o cume do que se acreditava ser a maior montanha do Paraná e repetiram a façanha nos anos seguintes até que isto veio a se tornar verdadeira mania regional.

    Hoje o Marumbi é servido por uma bem marcada rede de trilhas que dá acesso a todas as montanhas do conjunto com variados graus de dificuldade, muitas vias de escalada técnica mapeadas e uma boa infraestrura na base composta por camping, bar, museu e um agrupamento de socorro.

    Para escalar nesta montanha, indica-se o contato com os escaladores locais, além de farto equipamento. Boa parte das vias exigem equipamento móvel, além de duas cordas. Lembre sempre de usar capacete!

    Veja mais:

    Livro guia de escaladas na Marumbi




    Veja esse roteiro no Google Earth:

    Notícias Relacionadas:

    Quer contribuir com o Rumos?

    O Rumos está aberto a contribuição de seus leitores. Clique para saber mais.

     



    .
    O site Rumos: Navegação em Montanhas é mantido pelo Portal AltaMontanha.com - Consulte nossa Política de Uso!