Nevado Illimani - Rumos: Roteiros para sua próxima aventura!
Nevado Illimani
 Arquivos disponíveis:
Trekking leve
Montanhismo moderado

País - Bolívia Bookmark and Share

Nevado Illimani

Altitude Máxima: 6338 metros.

Altitude Mínima: 3880m (campo de futebol de Pinaya)

Temporada ideal: junho a meados de setembro

Outros locais do roteiro:

  • Cerro Mururata
  • Huayna Potosi
  • Forma da obtenção dos dados:

    Trilhas e pontos na montanha foram adquiridos por Pedro Hauck em Julho de 2009 com um Garmin 60 CSx. A estrada de La Paz até Pinaya foi georeferenciada em Setembro de 2009 por Maximo Kausch.

    Mais informações sobre este roteiro:


    O Illimani é a montanha de cartão postal e plano de fundo da cidade de La Paz, e a maior altitude da Cordillera Real - lembrando que o cume mais alto da Bolívia é o Sajama, mas este se encontra na Cordillera Ocidental.

    O contraste entre a enorme cratera que se encontra a cidade de La Paz, e o extenso e branco Illimani é surpreendente, e fica difícil imaginar La Paz sem a gigante montanha ao olhar para o sudeste da cidade. As distâncias entre a capital boliviana e as alturas, entre a cultura urbana e a andina são mínimas e, em poucos lugares do mundo encontramos uma combinação como em La Paz.

    Os crepúsculos vespertinos da cidade são um espetáculo: enquanto a cidade começa escurecendo em toda sua extensão, o Illimani vai passando por diferentes tons de cores até extinguir-se todo colorido no branco pálido e eterno que são as neves e gelos do nevado e, naturalmente, quando o alvorecer se aproxima o processo é inverso.

    O Illimani, embora frequentemente considerado ou tratado como nevado, é um vulcão extinto do tipo stratovolcano.

    É um enorme maciço de mais de 8 km de comprimento e quatro cumes que ultrapassan os 6000 m. Estes discorrem do Noroeste ao Sudeste, e deles escorrem na base gigantescos glaciares. É o último nevado da Cordillera Real de Norte a Sul; pelo norte a cadeia montanhosa começa com o nevado Illampu e termina pelo Sul com o Illimani (sudoeste).

    Acesso desde La Paz


    Desta cidade é possível chegar em um veículo alugado ou fretado até o povoado de Pinaya, situado nas encostas desta grande montanha, a 3.700 m, em umas 4 horas de jeep. Também existe locomoção coletiva, porém esta pode tardar umas 8 a 10 horas no mesmo trajeto, obviamente muito mais econômica.

    Aproximação

    A partir de Pinaya se pode alugar burros para chegar até o fundo do vale ao acampamento base (Puente Roto, 4.400 m), até onde chega um antigo caminho mineiro já fora de uso. A caminhada destes 8 km leva em torno de 3 a 4 horas.

    Ascensão

    Desde Puente Roto segue-se um caminho que supera um esporão de rocha fácil, leva-se aproximadamente de 4 a 6 horas até chegar À Nido del Condores (5.400 m), local do acampamento alto e de onde normalmente começa o gelo. Deste pontoa também se tem uma boa vista da montanha e de boa parte do roteiro. Este lugar é muito bom para acampar, pois é uma planície ampla com uma vista incrível de La Paz, do lago Titicaca e do altiplano.

    Daqui se sobe por uma aresta ascendente pela esquerda. A 5.700 m aproximadamente encontra-se a uma zona exposta onde se deve escalar e desescalar com cuidado pela presença de gelo cristal e uma pendente de 40°. A 5.800 m aproximadamente se alcança um campo de gretas que deve ser ultrapassado sem maiores dificuldades. Mais acima, escalando sempre mirando para a esquerda, se chega a uma greta aparentemente insuperável mas que contornando pela esquerda tem uma ponte que se escala sem grande dificuldade. Dali, uma rampa de neve leva ao norte do cume principal.

    Recomendações:

    A rota normal do Illimani é uma rota de média dificuldade técnica mas possui zonas expostas que deve-se tomar com precaução. Além da ótima aclimatação é também necessário o domínio do uso de crampons e elementos para gelo.

    Na história de suas ascensões se conhecem várias tragédias de cordadas que deslizaram acima do acampamento Nido de Condores nas empinadas pendentes de gelo cristal (especialmente na descida). É necessária, portanto, não somente uma ótima aclimatação como também um domínio das técnicas de asseguramento de cordas e de escalada em gelo.

    Trajeto:

    • La Paz - cume
    Rotas disponíveis:
    • Rota Normal
    Artigos Relacionados:

    Equipamentos necessários:


    Veja esse roteiro no Google Earth:

    Notícias Relacionadas:

    Quer contribuir com o Rumos?

    O Rumos está aberto a contribuição de seus leitores. Clique para saber mais.

     



    .
    O site Rumos: Navegação em Montanhas é mantido pelo Portal AltaMontanha.com - Consulte nossa Política de Uso!